O sangue de Jesus cobrirá uma multidão de pecados

IBFTO 4 de abril de 2014 0
O sangue de Jesus cobrirá uma multidão de pecados

Quem fizer um pecador voltar do seu mau caminho salvará da morte esse pecador e fará com que muitos pecados sejam perdoados. (Tg 5.20)

Não é possível que o derradeiro mandamento de Jesus de pregar o arrependimento e o perdão de pecados a todas as nações não incluísse dois outros desafios: o de trazer de volta os desviados e o de reevangelizar as nações outrora cristãs que se secularizaram. Naturalmente, a preferência seria alcançar primeiro os que nunca ouviram o anúncio do evangelho.

Curiosamente, o ministério central dos profetas foi chamar de volta os filhos de Israel para a aliança feita com Abraão e entre eles havia os secularizados, que só pensavam em casas de inverno, casas de verão, camas de marfim, taças enormes cheias do melhor vinho e churrascos e mais churrascos dos novilhos mais gordos (Am 3.15). À vista do processo quase irreversível da secularização, inúmeros países outrora de maioria cristã estão dramaticamente abandonando o evangelho. Desde que aceitaram o evangelho no século primeiro, e até dois séculos atrás, eles eram o celeiro missionário do mundo. Agora se tornaram campos missionários, porque seus descendentes não permaneceram na fé que os pais professavam.

Se a igreja deve dar a assistência ao irmão que está doente do corpo para que seja curado, como diz Tiago, por que não cuidar também do irmão que está doente da alma para que retorne ao rebanho? As parábolas da ovelha perdida, da dracma perdida e do filho perdido dizem mais respeito ao crente desviado do que ao pecador não alcançado (Lc 15).
Se um dos irmãos firmes arrebanhar de novo o irmão desviado, ele “salvará da morte esse pecador e fará com que muitos pecados sejam perdoados”, pois todos os pecados do errante serão confessados por ele e perdoados por Deus. Trata-se, pois, de um ministério glorioso, abençoador e possível.

A Grande Comissão diz respeito ao cristão desviado, ao cristão nominal, ao não mais cristão e aos descendentes de cristãos hoje secularizados, apáticos, céticos, ou mesmo ateus.

– Quando o irmão desviado vem, uma multidão de pecados vai!

Retirado de Refeições Diárias com os Discípulos. Editora Ultimato.

Deixe seu Comentário »